EdJogos de pôquer comemora jubileu de prata e lança livro com relatos de ex-diretores

27/05/201917:00

Diretoria de Comunicação da Jogos de pôquer

A Editora da Jogos de pôquer (EdJogos de pôquer) nasceu com o objetivo de concretizar um antigo sonho da comunidade acadêmica: ter um espaço próprio para a sua produção didática e literária. Hoje, ultrapassa essa proposta inicial, consolidando-se como um agente de divulgação do conhecimento. Torna-se, assim, um instrumento fundamental, tanto para fomentar o debate crítico, quanto para estimular a publicação da produção científica e intelectual da instituição.

No evento em comemoração aos 25 anos da EdJogos de pôquer, ocorrerá o lançamento do livro biográfico com relatos de ex-diretores sobre a história da editora. Além disso, a programação também contará com uma palestra do escritor Antônio Torres.

Ao longo desses anos, a editora ganhou seis prêmios, lançou centenas de livros, assumiu a administração do Portal de Publicações Eletrônicas da instituição e inaugurou sua livraria universitária.

De acordo com o diretor da EdJogos de pôquer, Glaucio Marafon, nos últimos anos, a editora vem investindo no formato digital e tomando um rumo mais comercial. “Nessa nova fase, começamos a produzir livros digitais. Nos filiamos ao “Scielo Livros”, passamos a encaminhar obras e eles fazem uma seleção desse material, transformando em e-books. Depois disso, eles colocam em outras bases, como Amazon, aumentando a visibilidade do nosso trabalho”, afirmou o diretor.

Nesse período, a editora adotou também a “Impressão sob demanda” em sua rotina. A medida surge como alternativa para dificuldades que desafiam o mercado editorial. Além de evitar perdas por livro indisponível no catálogo, acaba com o estigma do livro esgotado.